EDUCAÇÃO

SEMED define data de possível retorno das aulas da rede municipal em Itaituba
Tema foi discutido nesta quarta-feira (1) em reunião via internet presidida pelo secretário de educação e diretora de ensino do município.




Secretário Municipal de Educação durante reunião on-line. (Foto: Divulgação/ASCOM SEMED)

A Secretaria  Municipal de Educação promoveu reunião on-line para definir juntamente com sua equipe de trabalho e gestores escolares como agir diante do desafiante cenário da pandemia da COVID-19 e o calendário escolar 2020.

A reunião que aconteceu na tarde de quarta-feira (01), foi presidida pelo Secretário Municipal de Educação, Amilton Pinho e a Diretora de Ensino Luilce Medeiros. No gabinete do secretário, respeitando o distanciamento social recomendado nesse período, a equipe técnica da educação realizou assessoramento ao secretário durante toda a duração da live. 

Primeiramente, o secretário Amilton Pinho propôs votação para que o município aderisse ou não ao decreto do Governador do Estado que prorrogou a suspensão  das aulas até o dia 15 de abril. Foi unânime a opinião dos gestores em acatar a orientação do Estado.

Portanto, ficou definido a data 16 de abril, para possível  retorno das aulas no município.

 Equipe de trabalho junto com o Secretário. (Foto: Divulgação/ASCOM SEMED)

O segundo assunto, amplamente debatido nesta reunião on-line entre SEMED e gestores escolares, foi a forma como serão repostas as aulas deste período de afastamento social.

Foram lançadas três propostas para a reposição das aulas:

1- Reposição das aulas aos sábados: 
A partir do mês de maio até o último dia letivo, há a disponibilidade de 28 sábados.

2-  Reposição das aulas no contra turno:
Poderão ser utilizados,  para o atendimento das turmas no contra turno, as salas ociosas e/ou  espaços pedagógicos (biblioteca, sala de leitura, laboratório).

3- Reposição das aulas com alteração no expediente: 
Considera-se o acréscimo de 1 hora de trabalho em cada período. O cronograma de atendimento deverá ser organizado por cada instituição de ensino.

A partir destas três propostas foi orientado  aos diretores escolares que reúnam com suas equipes de trabalho e possam, em conjunto, optar por uma, duas ou mesmo as três propostas, podendo adequa-las à realidade de cada escola, obedecendo a orientação nacional de 800H, e posteriormente informar, via documento, sua decisão à DIREN/SEMED.

Fonte: Portal Giro, com informações Ascom Semed




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



EDUCAÇÃO  |  01/06/2020 - 17h





EDUCAÇÃO  |  27/05/2020 - 19h


EDUCAÇÃO  |  07/05/2020 - 21h