COMPORTAMENTO

​Com 62,5%, Aveiro é o município com maior taxa de isolamento social no Pará
Outras cidades como Itaituba, Santarém e Novo Progresso aparecem com índices iguais ou inferior a 40%; Rurópolis chega próximo de 50%.


​Com 62,5%, Aveiro é o município com maior taxa de isolamento no Pará, nesta quarta-feira (03). (Foto: Reprodução/ Agência Pará)

Após registrar um aumento significativo no número de casos por covid-19, chegando a 12 pacientes positivados pela doença, incluindo o prefeito Municipal, Aveiro registrou o maior índice de isolamento social do Pará, nesta quarta-feira (3). O município, que tem cerca de 16 mil habitantes, teve 62,5% da população em isolamento. Os dados são levantados pela Secretaria de Inteligência e Análise Criminal (Siac), vinculada à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup).

Rurópolis, que desde a última terça-feira (02) está em lockdown, também aparece entre as 20 cidades com maior índice de isolamento no Pará. O município obteve 48,6% de isolamento social e conta com mais de 130 casos confirmados de covid-19 e 3 óbitos. Já em Itaituba, o índice está em 40,4%, número considerado muito abaixo do ideal, a cidade registra mais de 800 casos e 23 óbitos por covid-19.

Os demais municípios da Região do Tapajós: Jacareacanga, Trairão e Novo Progresso, alcançaram 45,1%, 42,0% e 40,9%, respectivamente. Outra cidade que ficou na casa dos 40% foi Uruará, que obteve 42,4% de isolamento social.

Em Santarém, onde o número de casos da doença já ultrapassa 2 mil, o índice de isolamento ficou em 39,0%, pouco mais do que em Marabá, que teve apenas 37,8%, o segundo índice mais baixo entre as cidades citadas nesta matéria. O pior índice é o de Placas, que aparece com apenas 31,5%.

O estado do Pará alcançou 39,29% do índice de isolamento, ficando na 15ª posição no ranking nacional, a segunda pior já registrada. Na terça-feira (02), o Estado havia registrado apenas 39,0%, considera a pior taxa desde quando o ranking começou a ser divulgado.

Os baixos desempenhos do estado no ranking ligaram um alerta no governo no Pará em relação a uma segunda onda de contaminação. Em um vídeo publicado nas redes sociais, o governador Helder Barbalho anunciou que, caso o baixo isolamento reflita em uma saturação do sistema público de saúde, novas medidas de isolamento serão tomadas.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), o Pará tem 48.049 casos confirmados com 3.416 óbitos e 35.969 pacientes recuperados. Há ainda 154 exames em análise e 5.827 casos descartados. Dados foram atualizados nesta quinta-feira (04), às 13h.

Fonte: Portal Giro


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



COMPORTAMENTO  |   12/08/2020 18h10





COMPORTAMENTO  |   05/08/2020 15h21


COMPORTAMENTO  |   17/07/2020 18h30