FATALIDADE

Pioneiro da rádio e TV em Itaituba, apresentador morre vítima de covid-19
Jota Camargo, como era conhecido, estava internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e faleceu na manhã desta terça-feira (30).



O apresentador de TV e radialista João Evangelista Soeiro da Silva, mais conhecido como Jota Camargo, que atuava na TV Cidade Dourada, afiliada da Rede TV em Itaituba, morreu na madrugada desta terça-feira (30), vítima de covid-19. Ele tinha 66 anos de idade e estava internado desde da última sexta-feira (30) na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Camargo teve uma crise de falta de ar e parada cardiorrespiratório.

Segundo informações, o comunicador começou a sentir sintomas da covid-19 em 14 de junho, iniciou um tratamento e estava se recuperando bem, porém, contraiu pneumonia e também princípio de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Dessa forma, foi internado na UPA, apresentou complicações da doença, onde veio a falecer às 05h desta quarta.

J. Camargo era apresetador de rádio e apresentador de TV. (Foto: Reprodução)

Atualmente, Camargo apresentava na TV o Programa Porteira Aberta, no qual teve que ser afastado por conta da pandemia. Ele convidou seu amigo e pupilo, Antônio Kaiser, comunicador da imprensa itaitubense, para apresentar um outro programa na rádio em seu lugar.

Antônio Kaiser, relatou ao Giro o legado deixado pelo pioneiro da comunicação no município. “Ele [J. Camargo] me deu oportunidade para trabalhar com ele na porteira aberta. Camargo iniciou na televisão e foi um dos primeiros reportes de TV. Ele gostava tanto do cantor Roberto Carlos que chegou a apresentar um programa no rádio chamado - Cantando com o Rei”, disse Kaiser.

J. Camargo ao lado de amigos. (Foto: Reprodução)

Ainda segundo o profissional, Camargo ensinou muitas pessoas ligadas a comunicação, “mais de 80% dos profissionais que atuam na imprensa hoje, aprendeu com o Jota Camargo”, relatou. 

O nome Jota Camargo foi criado, pois, era uma forma mais fácil para memorização de nomes na década de 80, época em que ele iniciava sua carreira no município, no SBT, quando Silvio Macedo estava à frente da emissora. Ele também é lembrado por ser um dos fundadores da Rádio Itaituba.

Nota de Pesar

O Instituto Cidadão Pró Estado do Tapajós (ICPET), emitiu uma nota de pesar pelo falecimento do grande comunicador.
 

É com grande tristeza que lamentamos a partida do nosso amigo radialista e apresentador itaitubense J, Camargo. GRANDE ENTUSIASTA PELA CRIAÇÃO DO ESTADO DO TAPAJÓS.

Liderou vários programas de rádio e tv no município de Itaituba. Ultimamente, conduzia um com tema agropecuário, na Rede Tv.

Cidadão que exalava alegria e gentileza.

Deus console os amigos e a família.

Vá em paz, amigo Jota Camargo!


Fonte: Portal Giro




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



FATALIDADE  |  12/07/2020 - 10h





FATALIDADE  |  09/07/2020 - 16h


FATALIDADE  |  30/06/2020 - 09h