POLICIAL

Adolescente é apreendido em SP suspeito de comandar perfil do “Homem Pateta”
O perfil tem assustado crianças nas redes sociais, induzindo-as ao suicídio e automutilação.




Personagem do 'Homem Pateta'. (Foto: Reprodução)

A Polícia Civil de São Paulo realizou, na última sexta-feira (10), uma operação para cumprir mandado de busca e apreensão na casa de um adolescente de Sorocaba, interior do estado, que seria o criador de um perfil do chamado "Homem Pateta", que propõe desafios para crianças relacionados à automutilação e ao suicídio.

A informação da operação foi divulgada ontem pelas autoridades. Como os outros perfis que utilizam a imagem macabra de um homem vestido do personagem da Disney, a conta usava o nome fictício de "Jonathan Galindo".

Segundo a polícia, o menino fazia amizade com crianças e falava que conhecia a família delas, onde moravam e que algo de mal aconteceria caso a criança não aceitasse o desafio proposto. As vítimas procuraram a polícia que, por meio dos celulares das crianças, chegou ao garoto.

Ele foi encaminhado à Delegacia Seccional de Sorocaba, onde foi ouvido, e disse que tudo não passava de uma brincadeira. O caso foi encaminhado para a Vara da Infância e Juventude da cidade e o garoto foi liberado. O celular dele foi apreendido. 

Caso seja considerado culpado pela Vara da Infância e Juventude, o menor de idade é inimputável, já que tem menos de 18 anos de idade. A pena neste caso é socieoeducativa, prevendo a possibilidade de privação da liberdade, com limite de até três anos. Ele pode responder pelo crime de instigação a suicídio e ameaça.

Fonte: UOL




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM






POLICIAL  |  05/08/2020 - 17h


POLICIAL  |  05/08/2020 - 08h