POLÍTICA

Prefeitura volta atrás e veta retorno das aulas presencias na rede privada de ensino em Itaituba
Atividades presenciais voltariam dia 03 de agosto.




Foto: Reprodução

A Prefeitura Municipal de Itaituba decidiu voltar atrás em relação ao retorno das aulas presencias na rede privada de ensino, e um novo decreto, o de nº 100, foi publicado nesta quarta-feira (29), revogando a possibilidade do retorno das atividades presencias desses educandários, que estava marcado para dia 03 de agosto.

Segundo o documento, ficam suspensas as atividades educacionais presenciais na rede privada de ensino fundamental e médio, deixando em aberto o funcionamento das instituições de ensino superior, que devem se adequar a série de medidas impostas no decreto 098 para a prevenção à covid-19. 

O município não informou quais foram as reais motivações que levaram o prefeito Valmir Climaco (MBD), revogar a decisão de retorno das aulas. Mas, no início da semana, assim que foi publicado o decreto 098, que autorizava o retorno atividades presenciais, os dois principais centros educacionais de Itaituba, divulgaram notas de esclarecimentos a toda comunidade escolar.

Nos comunicados, ambas as escolas se mostram contrárias a decisão de retorno das aulas na rede privada, segundo as notas, a decisão de não retomar as atividades presencias tem como base análises e pesquisas feitas com pais e responsáveis pelos alunos. Ainda, em nota, os educandários informaram que em breve apresentaram um plano de retorno às aulas, que será decidido juntamente com a comunidade escolar.

Fonte: Portal Giro




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |  11/08/2020 - 16h





POLÍTICA  |  09/08/2020 - 21h


POLÍTICA  |  07/08/2020 - 09h