ESPECIAIS

​Foto de mãe itaitubense amamentando durante formatura viraliza e faz sucesso na web
Segundo Luzilene Vieira, o registro foi feito espontaneamente em momento de cumplicidades e amor entre ela e o filho. “Amamentar é um gesto de amor”.


A foto ganhou a web nessa semana. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Nessa semana, a imagem de uma mãe amamentando o filho durante a cerimônia de formatura tomou as redes sociais. Na foto, registrada no último dia 27 de agosto, Maria Luzilene Vieira, de 36 anos, está sentada, vestida de beca e amamentando seu filho, Rhavi Alexandre Santos Vieira, de apenas 1 mês e 10 dias de vida, enquanto posa para o fotógrafo.

Em pouco mais de quatros dias, a publicação viralizou e, até o fechamento dessa reportagem, havia mais de 11 mil compartilhamentos e 2,1 mil interações com a imagem. A foto foi publicada por uma terceira pessoa, com o perfil denominado Lilian Gotschalg. Na legenda, a frase que acompanha a foto é "Para de arrumar desculpa, filho não é atraso, filho é motivação. Apaixonada nessa foto #motivação".



Procurada pelo Giro, Luzilene Vieria, que se formou em licenciatura em pedagogia, afirma nunca ter imaginado que a foto amamentando seu filho teria grande repercussão. Ela disse também que a ideia da foto surgiu de forma espontânea. "O Rhavi Vieira estava inquieto, a cada 10 minutos eu dava de mamar para ele, pois chorava para mamar de novo. Em certo momento, o fotógrafo passou por mim e fez o registro! Minhas amigas também fizeram várias fotos," explica a pedagoga.

Para ela, a foto da amamentação representa um gesto de amor e cumplicidade entre mãe e filho. "Continuarei com tal gesto, jamais irei deixar de cuidar do meu filho ou ter receio, porque ainda existe pessoas preconceituosas em relação à amamentação em público", finaliza.

No Brasil, apesar da importância de tal ato, muitas mães esbarram no preconceito de aleitarem seus filhos em locais públicos. O direito à amamentação é garantindo a lactentes seja em qual espaço for, público ou privado.
Segundo a Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990, que dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente, "É assegurado à lactante o direito de amamentar a criança em todo e qualquer ambiente, público ou privado, ainda que estejam disponíveis locais exclusivos para a prática". Quem proibir ou constranger as que decidirem alimentar seus filhos, estará sujeito ao pagemento de multa.

Fonte: Portal Giro


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



ESPECIAIS  |   20/07/2021 14h58





ESPECIAIS  |   23/06/2021 16h13


ESPECIAIS  |   07/08/2020 15h08