ALERTA

Acidentes envolvendo postes e automóveis aumentam em 17% no Pará
De acordo a concessionária, de janeiro a agosto de 2020 foram registrados mais de 1880 acidentes.




Acidente em Itaituba. (Foto: Alécio Freitas/ Portal Giro)

Um levantamento da concessionaria de energia do Pará, apontou um crescimento nos números de ocorrências de acidentes envolvendo postes e automóveis.

 Em 2019, foram registradas em todo estado, mais de 2.500 ocorrências de postes que tiveram que ser substituídos ou recompostos após choques com veículos em vias públicas.

No município de Castanhal, esse número ficou em cerca de 280, seguido de Belém e Santarém que tiveram em torno de 200 situações. Em cidades como Marabá, Parauapebas e Altamira houve acima de 150 registros.  

Ainda de acordo com o levantamento, até agosto de 2020 já foram mais de 1.880 acidentes envolvendo veículos e postes em todo o estado. Esse número representa um aumento de 17% desse tipo de ocorrência, se comparado com o mesmo período do ano passado. Santarém lidera com mais de 210 ocorrências, seguida de Belém e Castanhal, com mais de 160.  

“Acidentes desse porte colocam várias vidas em risco. Então é essencial que motoristas tenham responsabilidade no trânsito e a consciência de que uma situação dessa acarreta inúmeros prejuízos, pois também afeta centenas de pessoas com situação de falta de energia devido a quebra dos postes e danos à rede elétrica”, afirma Adailson Andrade, gerente de Manutenção da concessionaria de energia. 

Perdas e Danos

Quando há quebra de poste e rompimento de fiação, o custo mínimo de material e serviço é superior a R$ 4 mil. De acordo com o Artigo 927 do código civil, quem, por ato ilícito, causar danos a terceiros, fica obrigado a repará-lo. Dessa forma, o valor total dos reparos e os danos aos clientes devem ser pagos pelo motorista que podem ser acionados judicialmente. 

Serviço: Para as ocorrências dessa natureza, a população deve entrar em contato imediatamente pela Central de Atendimento da companhia, pelo número 0800 091 0196, que fica disponível 24 horas por dia.

 


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



ALERTA  |   20/01/2021 08h26





ALERTA  |   12/01/2021 12h21


ALERTA  |   04/01/2021 14h47