SAÚDE

Hospital de campanha de Santarém será fechado
Unidade atendeu pacientes diagnosticados com a Covid-19 vindos, especialmente, da região Oeste, Baixo Amazonas, Xingu e Tapajós.




Foto: Reprodução

O Hospital de Campanha de Santarém, montado pelo Governo do Pará no Espaço Pérola do Tapajós, vai encerrar as atividades neste domingo (27). Inaugurado em 22 de abril deste ano, a unidade atendeu pacientes diagnosticados com a Covid-19 vindos, especialmente, da região Oeste, Baixo Amazonas, Xingu e Tapajós. No total, o hospital realizou quase 800 atendimentos e, antes do seu encerramento, estava com uma ocupação de 8%.

A partir da próxima segunda-feira (28), o espaço do Hospital de Campanha de Santarém passará por um processo de desinfecção e levantamento patrimonial.

O Hospital de Campanha de Santarém contou com 36 leitos de unidade de tratamento intensivo, 84 leitos clínicos e 10 leitos clínicos para indígenas, totalizando 120 vagas. O município possui retaguarda para atender novos pacientes de Covid-19 da região que apresentarem sintomas graves, podendo ser encaminhados para o Hospital Regional do Tapajós, em Itaituba, ou para o Hospital Regional do Baixo Amazonas, ambos com leitos clínicos e de UTI disponíveis.

Até na última sexta-feira (25), a Região do Baixo Amazonas computava uma redução de 63% no número de casos da doença quando comparado com a média móvel de 14 dias, passando de 35,7 caso/dia para 13,1. A queda demonstra que o trabalho da equipe do hospital de campanha foi fundamental para o controle da doença na região.

O Hospital de Campanha de Santarém é o segundo a encerrar as atividades. O primeiro foi o Hospital de Campanha de Breves, localizado no arquipélago do Marajó, que encerrou no dia 31 de julho.

Fonte: Portal Giro, com informações Agência Pará




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM