POLÍTICA | Eleições 2020

Valmir Climaco protocola defesa contra pedido de impugnação à candidatura
Pedido de indeferimento havia sido apresentado com base nas informações do Tribunal de Contas do Estado do Pará, que estariam desatualizadas.


Valmir Climaco. (Foto: Reprodução)

A defesa de Valmir Climaco (MDB) apresentou a contestação à impugnação do registro da sua candidatura a prefeito de Itaituba, nas Eleições 2020 (veja o documento abaixo). O pedido de indeferimento da candidatura do atual prefeito do município, foi apresentado pelo Ministério Público Eleitoral junto à 34ª Zona Eleitoral, na quinta-feira (01), sob a alegação de que Valmir não realizou processos licitatórios e efetuou pagamento de diárias, sem amparo legal que, em tese, configuram-se ato doloso de improbidade administrativa.
 
No entanto, na defesa apresentada à Justiça Eleitoral, Valmir assegurou que o documento protocolado pelo promotor do município, Alan Johnnes Lira Feitosa, a pedido do Partido Social Democrático (PSD), “tenta confundir o juízo, fazendo crer que existem contas rejeitadas em definitivo. [...] entende-se que a impugnação guerreada é intempestiva (indevida), razão pela qual requer sua inadmissão”, afirma a defesa.

Valmir Climaco já havia convocado a imprensa, na quinta-feira (01), para falar sobre o processo de impugnação e explicar a situação para população. "É uma denúncia incabível", disse o prefeito.

A ação de Impugnação do Registro de Candidatura (AIRC), tomou como base os dados do Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE), na qual havia colocado Valmir no grupo de Candidados que teve as contas julgadas irregulares. Porém, logo depois de ter protocolado o pedido de deferimento, o site do TCE atualizou a lista de gestores com contas irregulares, inelegíveis, e não fez menção ao candidato Mdebista.

Fonte: Portal Giro


Visualize o arquivo de texto:




Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   05/05/2021 17h55

Itaituba - PA
 

POLÍTICA  |   30/04/2021 18h24


POLÍTICA  |   26/04/2021 19h30