SAÚDE

Governador do Pará proíbe entrada de embarcações com passageiros vindas do Amazonas
Voos entre os dois estados, atribuição do governo federal, estão mantidos. Medida tem como objetivo conter o contágio do novo coronavírus no Pará.


Foto: Reprodução

O governador do Pará, Helder Barbalho, anunciou na noite desta quarta-feira (13), por meio de um vídeo publicado na conta pessoal dele no Twitter, que será publicado nesta quinta-feira (14) um decreto proibindo a circulação de embarcações com passageiros entre o Pará e o Amazonas. Segundo o governador, essa é uma medida preventiva para conter o contágio do coronavírus no estado.

"Um decreto estadual no dia de amanhã, proibindo a circulação de embarcações com passageiros vindos do estado vizinho, do Amazonas. Isto é uma medida preventiva e fundamental para que possamos evitar a ampliação do contágio dentro do estado do Pará e, consequentemente, os problemas em saúde em face à pandemia do coronavírus", disse o governador.

"A partir de amanhã (13), as nossas fronteiras estarão fechadas para o estado do Amazonas, com monitoramento da Polícia Militar do estado, com embarcações e aeronaves, para que possamos fazer cumprir esta medida preventiva de restrição para proteger a nossa população", completou Helder Barbalho.

De acordo com a Secretaria de Comunicação do Estado do Pará, a circulação por transporte aéreo, com passageiros do Amazonas, também está em pauta para restrições. "Amanhã, o governador do Estado Helder Barbalho também deve formalizar junto à Infraero a proibição da circulação de passageiros via transporte aéreo no Pará, com origem do Estado vizinho, o Amazonas".

Estado vizinho enfrenta novo pico da Covid-19

O Amazonas tem tido dificuldades para conter o avanço do novo coronavírus com o aumento de novos casos e mortes.

A situação está difícil até para comprar cilindros de oxigênio, uma vez que os fornecedores atuais não estariam mais dando conta de atender a demanda crescente após a recente ampliação de leitos para pacientes diagnosticados com a Covid-19.

Na capital Manaus, a prefeitura anunciou que não irá liberar as escolas municipais para a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será aplicado neste domingo (17).

Fonte: Dol


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM