TRÂNSITO

PRF inicia campanha Maio Amarelo, no Pará
Campanha tem o objetivo de conscientizar o cidadão de que a responsabilidade ao volante é fator determinante para o número de acidentes, mortos e feridos no trânsito.


Foto: Reprodução/PRF

Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou no domingo (1º) a Campanha Maio Amarelo 2022, que tem como objetivo conscientizar o cidadão de que a responsabilidade ao volante é fator determinante para o número de acidentes, mortos e feridos no trânsito.

Com o tema "Juntos Salvamos Vidas", a campanha visa chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e de pessoas feridas no trânsito em todo o mundo. A cor amarela, que sinaliza advertência no semáforo, foi escolhida justamente por simbolizar a atenção necessária para a causa.

Com campanhas educativas em redes sociais e foco na educação para o trânsito durante fiscalizações nas BRs de todo o Pará, a PRF colocará em pauta o tema segurança viária. A mobilização busca fazer com que o cidadão entenda que a responsabilidade ao volante é fator determinante para o número de acidentes que ocorrem todos os dias nas rodovias federais do país.

Entre as atividades desenvolvidas, O cinema rodoviário é um projeto na área de educação para o trânsito da PRF, que atua com foco em diversos públicos e será utilizado na conscientização de condutores e passageiros sobre a combinação álcool e direção, ultrapassagens indevidas, uso de celular ao volante e diversas outras condutas que contribuem para o aumento dos números de acidentes nas estradas do país.

Dados

Com base nas estatísticas dos acidentes de trânsito, o alto índice de acidentes graves e fatais no Brasil tem como causa principal as falhas humanas. Em 2020 foram registrados 950 acidentes nas rodovias federais de todo o Pará, resultando em 1.068 pessoas feridas e 119 mortas. Já em 2021, foram 858 acidentes, com 1.014 pessoas feridas e 166 mortas. Somente no primeiro trimestre de 2022, foram registrados 198 acidentes nas rodovias federais do Estado, resultando em 228 pessoas feridas e 35 mortas.

Abrace essa causa você também!

O Maio Amarelo é mais uma oportunidade de difundir informações que podem ser praticadas por meio de medidas simples e eficazes, como utilizar passarelas e faixas de pedestres, respeitar a sinalização, realizar ultrapassagens seguras, não misturar álcool e direção, proteger os mais vulneráveis no trânsito e adotar regras de direção defensiva. Abrace essa causa você também! Pratique no trânsito o respeito e a responsabilidade. Acompanhe durante este mês as matérias e dicas do Maio Amarelo que serão publicadas nos canais oficiais da PRF.

Década de Ação para a Segurança no Trânsito

O Movimento Maio Amarelo foi criado em 11 de maio de 2011, quando a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, na qual os signatários se comprometeram a reduzir a violência no trânsito em um percentual de 50% no período citado. As ações foram prorrogadas por mais uma década pela ONU, fixando o período 2021-2030 como a segunda década para ações pela segurança no trânsito; e o Brasil, assim como os demais países, estipulou uma meta de redução de 50% das mortes em decorrência de acidentes de trânsito para o novo período.

Fonte: PRF


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



TRÂNSITO  |   15/06/2022 16h01





TRÂNSITO  |   08/06/2022 18h05

Itaituba - PA
 

TRÂNSITO  |   01/06/2022 09h28